Vida Ganha: saiba como se capacitar para as vagas da exploração do pré-sal

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) estima que, até 2016, 190 mil vagas de emprego sejam criadas na área petrolífera no país. Desse total, 25 mil deverão ser abertas no Estado do Rio. De olho nas oportunidades, o soldador André Oliveira, de 22 anos, tem buscado qualificação profissional. Além do curso de solda, ele estudou mecânica industrial e pretende começar a formação de técnico em petróleo e gás.

O supervisor técnico de Petróleo e Gás do Senai do Rio, Jean Romei Heckmann, explica que a descoberta de óleo na camada pré-sal aqueceu o mercado, e as atividades relacionadas à produção e à exploração de petróleo e gás são aquelas que reúnem as melhores condições de empregabilidade no Rio.

— O destaque são os setores de mecânica, soldagem, eletrotécnica, automação/instrumentação, montagem industrial, segurança e meio ambiente, além das atividades offshore (em alto-mar) — explica.

Para conseguir uma chance, é preciso estar qualificado. André ingressou num curso de solda da Faetec e, em dois meses, conquistou uma oportunidade no Complexo Petoquímico do Rio de Janeiro (Comperj), em Itaboraí.

— Eu sempre quis trabalhar na indústria, e estou investindo em mim para ter melhores chances no mercado de trabalho no futuro — afirma o jovem.

Segundo a Petrobras, no nível superior, a demanda será, principalmente, por profissionais de Engenharia. De nível técnico e médio, as categorias profissionais mais solicitadas serão as de projetista, plataformista e auxiliar de movimentação de cargas. Já existe também uma grande necessidade de trabalhadores de nível fundamental, como montadores de andaimes, mecânicos ajustadores e caldeireiros, entre outros.

Atualmente, a maior oferta de empregos está na construção e na montagem de sondas e plataformas.

Confira onde encontrar qualificação para o Pré-Sal

Escola Edison

Oferece capacitação em cursos como solda, inspeção e operação. Os interessados podem obter informações pelo site www.escolae dison.com.br ou pelo telefone 2771-8354.

Faetec

A unidade Colubandê, localizada em São Gonçalo, é voltada para o setor de Petróleo e Gás. Este ano, foram oferecidas 920 vagas, e novas oportunidades deverão ser abertas em 2014. Há cursos como: soldador, técnico de petróleo, montador e Inglês. Informações pelo site www.faetec.org.br.

Senai

A instituição oferece cursos gratuitos em programas como o Pronatec, destinado a estudantes da rede pública de ensino. Oferece ainda cursos de aperfeiçoamento e pós-graduação, que são pagos. Algumas opções são de técnico em petróleo e gás, técnico em construção naval, soldador, pintor industrial, auxiliar de plataforma, caldeireiro e técnico de perfuração. Os detalhes sobre os cursos podem ser consultados no site Senai (www.cursosenairio. com.br) ou por meio do telefone 0800-023-1231.

Senac

Há cursos pagos para comissário offshore, taifeiro offshore e saloneiro offshore e técnico em segurança do trabalho. Saiba mais pelo telefone 4002-2002.

Prominp

O programa está passando por reformulações, e não há informações sobre o próximo ciclo. Segundo a Petrobras, os cursos serão ofertados em parceria com as empresas fornecedoras da Indústria petrolífera. Os candidatos devem acompanhar o site www.prominp. com.br.

Unisuam

A universidade oferece um curso técnico na área, com duração de dois anos. Informações sobre as aulas podem ser obtidas pelo site www.unisuam.br.

Leia mais: http://extra.globo.com/emprego/capacitacao/vida-ganha-saiba-como-se-capacitar-para-as-vagas-da-exploracao-do-pre-sal-10688425.html#ixzz2jrtdP5uk

Relacionados