Deputado Celso Jacob e representantes da Educação discutem a Reforma do Ensino Médio e Base Nacional Comum Curricular

O deputado federal Celso Jacob participou, nesta terça-feira (17), de uma audiência pública para discutir os trabalhos de implantação da Reforma do Ensino Médio e a Base Nacional Comum Curricular (BNCC). O evento foi promovido pela Comissão de Educação da Câmara, da qual o deputado Celso Jacob é 2º vice-presidente. Através de convite do deputado, o prefeito de Três Rios, Josimar Salles, também esteve presente na audiência.

O novo Ensino Médio prioriza a flexibilização da grade curricular, a articulação com a educação profissional e a educação integral. A lei divide as disciplinas em cinco áreas de conhecimento (linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas/sociais e formação técnica/profissional) e prevê a implantação gradativa do ensino integral, com sete horas de aulas por dia ou 1,4 mil horas por ano após cinco anos. Hoje, o ano letivo conta 800 horas.

O currículo do ensino médio será composto pela Base Nacional Comum Curricular e por itinerários formativos correspondentes às áreas do conhecimento. Já no início do ensino médio os alunos poderão escolher a área
na qual vão se aprofundar.

As regras valerão para as redes de ensino público e privado, e o cronograma de implantação deverá ser elaborado no primeiro ano letivo seguinte à data de publicação da BNCC, que ainda está em elaboração no governo e deve ser homologada ainda neste ano. A implementação ocorrerá no segundo ano letivo depois da homologação da base curricular.

Participaram da audiência pública o secretário de Educação Básica – SEB/MEC, Rossilei Soares da Silva, e o secretário de Educação do Distrito Federal e representante do Conselho Nacional de Secretários de Educação, Julio Gregório Filho.

Relacionados