Confiança do comércio cresce pelo terceiro mês seguido

Com a melhora das condições atuais e das expectativas para o futuro, a confiança dos empresários do comércio avançou pelo terceiro mês consecutivo. De janeiro para fevereiro, o indicador passou de 78,9 pontos para 82,5 – o maior nível desde janeiro de 2015. Os dados são da Fundação Getulio Vargas (FGV) e foram divulgados nesta quinta-feira (23).

download

“A tendência de alta gradual deve se manter nos próximos meses, alimentada pela redução dos juros e pela liberação de recursos das contas inativas do FGTS”, afirma Aloisio Campelo Jr., Superintendente de Estatísticas Públicas da FGV.

Na comparação com fevereiro do ano passado, a melhora do indicador de confiança foi de 12,4%. A pesquisa indica que os comerciantes estão cada vez mais satisfeitos com a demanda atual e esperam aumento de vendas entre março e maio.

Cenário positivo

Para se chegar ao número final do indicador de confiança, a FGV faz uma ponderação entre outros dois elementos: o índice de satisfação atual e o índice de expectativas. O primeiro saltou de 68,8 pontos para 74,3; o segundo, de 89,9 para 91,5.

Esse indicador da FGV pode ser comparado a um termômetro. Quanto maior o nível dele, mais confiança há entre os comerciantes. Para a edição de fevereiro de 2017, a instituição coletou informações de 1.122 empresas entre os dias 01 e 21 deste mês.

Fonte: Portal Brasil

Relacionados